quinta-feira, 5 de março de 2015

A quem CUT e o PT querem enganar?


      Por mais que o PT encene um desejo de que não ocorra a manifestação que a CUT promoverá na semana que vem em defesa da Petrobras, e por mais que a própria central negue que o ato não tem a influência do PT, a própria data escolhida evidencia o contrário. Esse tipo de manifestação geralmente não ocorre em dias úteis, mas esta ocorrerá. Está programada para o dia 13 de março (número do PT) em plena sexta-feira.

      A CUT é a central mais próxima do governo e apoiou a reeleição de Dilma. É evidente que o ato tem o objetivo de se contrapor aos protestos marcados por meio das redes sociais para o dia 15 de março, dois dias após. É também evidente que a preocupação do governo em tentar convencer a CUT de mudar a data do evento é só teatrinho. Os números às vezes falam por si só.


Postar um comentário